sexta-feira, 27 de junho de 2008

Receber o chouriço depois de dar o porco!

Este governo aumentou o IVA em 2%, de 19% para 21% e agora fez o milagre de o baixar para 20%, isto porque o senhor ministro das Finanças considera que «seria irresponsável e imprudente» a redução do IVA para 19%. Mas o aumento não o foi, não!
Tenho conciência que uma harmonização fiscal com 25 países é um processo difícil, mas por onde ficou o objectivo de criar um sistema comum de imposto sobre o valor acrescentado?? Ainda me lembro, de nos tempos da primeira faculdade, ouvir falar num grau mínimo de harmonização (cifrado na altura em 15% salvo erro), com intervalos comuns das taxas, exceptuando apenas algumas isenções e autorizações especiais. E ainda me lembro de uma taxa de IVA a 17%...
Quando num país onde existe uma média de 50 falências diárias de empresas, onde a taxa de desemprego continua a aumentar, onde os ordenados se distanciam cada vez mais dos europeus, onde se paga os combustíveis mais caros da europa, onde as diferenças de nível de vida e poder de compra com o resto da Europa são gritantes, onde a taxa de endividamento aumenta de ano para ano, NÃO CONSIGO ENTENDER COMO É QUE SE PODE DIZER QUE ESTAMOS NO CAMINHO CERTO!
Este não deve ser o meu País! Este não pode ser o meu País!!