sábado, 30 de maio de 2009

Você sabe amar ?

Eu estou aprendendo. Estou aprendendo a aceitar as pessoas, mesmo quando elas me desapontam, quando fogem do ideal que tenho para elas, quando me ferem com palavras ásperas ou ações impensadas.

Não é fácil aceitar as pessoas assim como elas são, não como eu desejo que elas sejam, mas como elas são! É difícil, muito difícil, mas estou aprendendo. Estou aprendendo a amar. Estou aprendendo a escutar, escutar com os olhos e ouvidos, escutar com a alma e com todos os sentidos.

Escutar o que diz o coração, o que dizem os ombros caídos, os olhos, as mãos irrequietas. Escutar a mensagem que se esconde por entre as palavras corriqueiras, superficiais; Descobrir a angústia disfarçada, a insegurança mascarada, a solidão encoberta.

Penetrar o sorriso fingido, a alegria simulada, a vangloria exagerada. Descobrir a dor de cada coração. Aos poucos, estou aprendendo a amar. Estou aprendendo a perdoar pois o amor perdoa, lança fora as mágoas, e apaga as cicatrizes que a incompreensão e insensibilidade gravaram no coração ferido.

O amor não alimenta mágoas com pensamentos dolorosos. Não cultiva ofensas com lástimas e autocomiseração. O amor perdoa, esquece, extingue todos os traços de dor no coração. Passo a passo, estou aprendendo a perdoar, a amar.

Estou aprendendo a descobrir o valor que se encontra dentro de cada vida, de todas as vida, valor soterrado pela rejeição, pela falta de compreensão, carinho e aceitação, pelas experiências duras vividas ao longo dos anos, Estou aprendendo a ver nas pessoas a sua alma, e as possibilidades que Deus lhes deu.

Estou aprendendo, mas como é lenta a aprendizagem! Como, é difícil amar, amar como Cristo amou! Todavia, tropeçando, errando, estou aprendendo... Aprendendo a pôr de lado as minhas próprias dores, Meus interesses, minha ambição, meu orgulho quando estes impedem o bem-estar e a felicidade de alguém. Como é duro amar !!!

Autor desconhecido

segunda-feira, 25 de maio de 2009

Mudanças...! De casa. Na casa. Em casa!

Após 75 dias em casa da sogra (diga-se que a experiência foi boa), eis que no sábado, em decisão de última hora, voltámos para a nossa "nova" casa.
Obras acabadas, uma nova casa de banho, outra completamente renovada e aumentada e o quarto do miúdo que está (ficando) um mimo!
Agora falta os "finalmente". Muita coisa para pregar, outras para mudar de sítio e outras ainda com sítio por arranjar.
Entre a selecção do que fica e do que vai fora (e acreditem que não vou ter grandes misericórias ...) e o tempo para arrumar as coisas no lugar, a sala ainda parece um barraco e arranjar espaço para passar entre tudo o que lá foi "depositado" parece missão impossível.
O antigo estúdio, por enquanto, irá dar lugar à biblioteca...

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Os homens que mudaram a minha vida,
que me fizeram repensar posturas,
crenças e valores...

Os homens que eu AMO!

terça-feira, 19 de maio de 2009

Do bem e do mal

Todos têm seu encanto: os santos e os corruptos.
Não há coisa na vida inteiramente má.
Tu dizes que a verdade produz frutos...
Já viste as flores que a mentira dá?

Mário Quintana

terça-feira, 12 de maio de 2009

Fim de Semana em Londres

A verdade é que um mês não é suficiente para conhecer a cidade e como disponibilidade de tempo não consta da minha agenda, vamos sentindo a essência londrina aos poucos.
A dificuldade está em escolher de entre centenas de opções, mas a Débora e o João, mais uma vez, se revelaram excelentes anfitriões e proporcionaram-nos um fim-de-semana bastante agradável.
É uma (óptima) sensação sentirmo-nos parte do fluxo de uma cidade que nunca pára, dia e noite.
Mais uma vez deliciei-me com os "baldes" de café com leite e os chocolates quente, jurando que valem os cerca de quase 5€ que custam.
... began to feel like I might fit in london city...!